Skip to content

To Vieira or not to Vieira?

16/08/2012
tags:

Como em quase tudo que se faz neste país e neste planeta (e talvez no universo), há quem goste, há quem não goste. Há quem admire, há quem odeia há quem defenda há quem critique, há quem apoie, há quem se oponha.

É o ciclo da vida e a grande virtude do ser humano, a (ir)racionalidade que toma decisões e a necessária discussão à volta dos assuntos do dia a dia. Neste panorama, convém diferenciar as discussões interessantes e profícuas, das quais se devem realçar o lateral esquerdo, a corrupção a norte, os direitos televisivos e sucessão/continuidade de LFV. Depois há assuntos de interesse geral como saber se há vida em marte, os limites do universo, o fim da era do petróleo e a existência de Deus. Depois há as discussões que são interessantes, mas que não interessam a ninguém, como o castigo do Luisão, a relva da Luz estar alta, a rega do relvado antes do jogo e o equipamento alternativo…

Eu como Benfiquista, que apesar de me sentir cada vez menos identificado com o actual rumo das coisa, também me acho no direito, do alto dos meus anos de associado de mandar mais umas achas para a fogueira, nem que seja só para dizer que a relva ser molhada antes do jogo é uma idiotice pegada porque obriga os jogadores a correr mais depressa atrás da bola (ou seja, não sei o que acabei de escrever, que é como quem diz, tenho a credibilidade que tenho e a mais não sou obrigado).

A realidade é que nem tudo é bom, nem tudo é mau. MAs o tuga só gosta do que é mau, por isso cá vou eu.

O Benfica vencedor do último campeonato esteve apoiado numa santíssima trindade, LFV, Rui Costa e JJ. No final dessa época, e como nos bons triunviratos, LFV tratou de ofuscar Rui Costa. Nessa altura promoveu JJ e apareceu Carraça. Muitas promessas, muitos milhões e uma taça da cerveja para papalvo comer. Humilhações em casa, títulos perdidos na Luz, e uma transformação do BENFICA num BENfica.

Época seguinte, mesma estrutura de poder… Não vale a pena falar dos resultados…

Terceira época, a mesma estrutura de poder…

E agora o desabafo, LFV anda perdido em parte incerta. O Rui Costa está desaparecido. E a moral das tropas anda em baixo. Eu não quero tomar o lugar do saudoso Bola7, mas a realidade é que se o Benfica continua por este caminho, o abismo aproxima-se a passos largos. E eu não vejo ninguém com vontade de dar a volta a isto. Nem mesmo LFV, que por muitas virtudes que tenha, das duas uma. Ou foi ele que traçou o rumo ou nem ele consegue parar a carruagem. Daí as críticas, e daí o desapontamento. Tal qual relação a terminar. Não há nada que se possa fazer a não ser passar à frente e partir para outra.

As pessoas tem de entender que o Benfica já cá estava antes delas nascerem. E nós queremos que ele continue, porque há filhos para educar e valores e paixões a transmitir. E eu quero que os meus filhos vibrem com o Benfica tanto quanto eu…

No comments yet

Comenta aqui

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: